Passeando em outra roça- Cantagalo-RJ

 Ele não está nem com um pouquinho de medo dos bezerrinhos. 
E a vovó Lucinha não tem medo do tourão. Rs
 E trata das criações. (assim que eles falam na roça).
 E monta na mulinha com a ajuda do tio Milton.
Fátima lavando a taioba para o nosso almoço.
E na caminhada do final da tarde, nós curtimos essa linda paisagem.
A tia Maria e o Luciano quase na hora da partida. Acho que eles não estavam com vontade de ir embora. Rs

Não fiz os posts pela sequência da viagem. Isso por causa das inúmeras fotos que tirei e não ficaram boas.
Estou tentando resgatar as melhores pra mostrar aqui.

Essa viagem foi á ultima que fiz na minha viagem ao Brasil. Esse lugar chama-se Cantagalo e fica no Estado do Rio de Janeiro. Um lugar que também vivi lindos momentos em minha vida. Hoje em dia, meus netos estão podendo viver um pouco daquilo que vivi por lá.
Dessa vez, levei o Luciano, meu neto mais novo. Ele está com cinco anos e já vai fazer 6 anos no mês de Março.

Foi muito bom passar alguns dias com ele. Na verdade, mesmo quando eu morava no Brasil, não tínhamos uma convivência diária, e muitas vezes nem semanal. Quando vim morar na Nova Zelândia, ele estava com três anos de idade. Ficamos dois anos e meio sem nos ver.
Nesse período, nos falamos por telefone, ou nos víamos na  webcam. E lembro-me que um dia, ele começou a pular atrás da mãe dele, em cima da cama. Queria mostrar que já estava crescidinho e sabia fazer bagunça.

Mesmo assim, ele foi comigo, minha tia Maria, Tio Milton e a esposa Fátima, sem a mãe.
Achei que ele fosse estranhar em alguns momentos, só que me enganei. Ele se comportou muito bem, como se nosso convívio nunca tivesse sido à distância.

E como eu já comentei aqui, em um dos posts sobre a viagem, todos os meus netos gostam de roça e animais, assim como eu. Deve ser por isso, que apesar deles terem uma avó que mora do outro lado do mundo, eles me amam, e também são muito amados por mim.

A nossa presença na vida de qualquer pessoa, não depende só da presença física ou do convívio diário. A nossa presença  na vida de uma pessoa depende da quantidade de amor que espalhamos à nossa volta.

Esse amor que recebi desses meus tios que vocês estão vendo nas fotos, é espalhado de geração em geração.

Um abençoado final de semana!

23 comentários:

  1. 5:43 da manhã aqui e somente assim dá para eu sentar-me e ficar visitando os amigos porque a janela está aberta e o frescor da manhã está me deliciando.O calor tem sido insuportável. E por sorte o seu blog foi o primeiro a aparecer no painel mostrando essa gracinha de neto. Conheço Cantagalo pelo Tony que está numa foto tirada por aí. Eu acho que você deveria comprar um sítio e passar parte por aqui, que tal? E quem sabe até eu poderia estar visitando vc, o que vc acha? Rsrsrs! Uma graça seu post, Lucinha!Uma grande limpeza e arrumação me aguardam. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Como sempre a fotos linnnndas de viver, adoro!!
    ainnn vi ali aquelas galinhas comendo olha pense nas recordacoes que sua fotos me trazem, é tudo tao parecido, os pastos, as cercas, os acudes(com cedilha) menina tudo!!! E um de seus post eu ainda choro, nao duvido nada.rss sobre o que vc escreveu com seu netinho, ô Lu como ele é lindo, e foi um rapazinho heim? Ir com a vovó sem a mamae, ele foi muito fofo, eu me culpo as vezes por isso, está longe.....perder momento da vida de quem amo, mas penso o mesmo que vc, dou amor mesmo via web, skype, fone, rss precisa ver, quando ligo, pergunto até pelo cachorros dos visinhos, rsss mas familia faz falta sempre né?
    Post mais que lindo o seu, eu vou parar...se nao deixo outro post nos comentarios rss um xerao grande viu? BOM FIM DE SEMANA.

    ResponderExcluir
  3. Lucinha, que cois linda essas fotos, a natureza tão tranquila daquela rotina de cuidar da criação...

    Poder viver em meio a isso tudo só pode fazer muito bem mesmo. E que lindo netinho, nada feliz na hora de ir embora.


    Coisa boa, momentos lindos pra não esquecerem nunca.

    E concordo que quantidade não é qualidade de convívio... beijos,ótimo fds,chica

    ResponderExcluir
  4. Que passeio gostoso em família!
    A "vovó Lucinha" é bem corajosa hein? rs. Sabe que quando eu era criança também tirei uma foto assim, com bezerrinhos atrás. Só que minha mãe contou que eu fiquei "morrendo" de medo. A foto ficou bem engraçada!
    Seu netinho é lindo! Parabéns!
    Que Deus abençoe e proteja sua família sempre!
    Com carinho,
    Angela

    ResponderExcluir
  5. nao adianta ficar do lado de ca da cerca do touro! e se ela pula a cerca??? eu adoro mato, terra, roça....mas bicho??!! nem formiga!! rsrsrs lucinha...10 horas da manha, ceu nublado, 33 graus e aumentando!! srsrsrs bjo bjo

    ResponderExcluir
  6. Que legal! Moro a 30 minutos de Cantagalo! Meus dois bebês nasceram lá! Que mundo pequeno gente!

    ResponderExcluir
  7. Que delícia essa viagem-nostalgia que v. fez !
    Eu conheço Cantagalo e Cordeiro, mas somente de passagem, pois tivemos casa de férias em Nova Friburgo.
    Essas pequenas cidades são encantadoras, com seu ar pacato e simples.

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga Lucinha,
    Que neto lindo e bem crescidinho nos seus quase cinco aninhos.
    As paisagens da sua roça e dos locais por onde passou são maravilhosas.
    A natureza e ar puro são muito importantes para as crianças se desenvolverem.
    Também concordo que o mais importante é a qualidade do tempo que damos e não a quantidade.
    Grata por continuar a partilhar momentos inesquecíveis da sua viagem ao Brasil.
    Um beijinho com votos de um excelente domingo.
    Ailime

    ResponderExcluir
  9. Lu querida, que post mais lindo e cheio de amor!
    Sempre te falo que vir aqui me traz paz, mas tenho que falar novamente.
    As imagens estão lindas, seu neto é uma graça, e dá pra sentir todo este amor aqui!
    Bjosssssssss e um lindo final de semana pra ti
    Vero

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde amiga,
    Venho lhe desejar um lindo fim de semana coberta de muita paz e amor!
    Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
    Assim que poder acesse o link
    http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
    e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
    Obrigada de todo o coração!
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  11. Lucinha, estou aqui encantada com os relatos e fotos de sua viagem ao Brasil. As fotos ficaram ótimas, e foi bom ver fotos de sua família.
    Através de suas fotos me senti transportada para o Brasil. Oh saudade! Estou planejando ir agora em março.
    Seus relatos são comoventes, e muito bons de ler.
    Welcome back :)

    ResponderExcluir
  12. Lucinha, que bom que está de volta!
    Peço desculpa por ainda não a ter visitado, assumi uns compromissos e fiquei com menos tempo livre e os amigos são muitos, visitar todos demora...
    Mais tarde virei ver melhor seu blog, agora vou dormir, é quase 1 hora da madrugada...
    Bj

    ResponderExcluir
  13. Olá
    Conheço Canta Galo, morei por 13 anos em São Fidélis, cidade também do Estado do Rio e próxima se Canta Galo. Gostei muito desta sua frase"A nossa presença na vida de uma pessoa depende da quantidade de amor que espalhamos à nossa volta.'
    BJS

    ResponderExcluir
  14. Que imagens lindas!
    adoro um matinho, fui criada em um sitío no meio a tantos animais.
    já meus netos tem medo até de formiga! kkk
    abraços!

    ResponderExcluir
  15. Voltei pra te ver de novo e agradecer, desejando uma linda nova semana pra ti por aí! beijos,chica

    ResponderExcluir
  16. Taioba? se come isso? =O
    Parece com o gosto de quê? Alface?
    Comadre!
    Coisa bôa passear né?
    Ainda mais na roça! Eu AMOOOOOOO o mato! E essa vida de cidade não serve pra mim, meu negócio é natureza, sempre que posso fujo pro sítio da minha mãe.
    Sobre as fases da lua, nossa, sou super apegada a isso, tudo que faço, consulto a lua, sou meio "bruxinha"... rs
    Nos próximos tópicos do meu bloguinho, vou explicar tudo que sei sobre a lua e suas influências em nossas vidas.
    Adoro receber sua visitinha! Bjos amiga e uma linda semana!! =***

    ResponderExcluir
  17. Querida Lucinha as fotos me transportaram à minha infância e ao "Sítio do Pica-pau amarelo".

    Quanto aos afetos, é isso mesmo, a qualidade é muito mais importante que a quantidade.
    O menino é um príncipe.
    beijo da Nina

    ResponderExcluir
  18. Oi amiga Lucinha!

    .....é muito bom ver esta união e esta alegria entre gerações...concordo com vc o amor resiste às distâncias e quando pessoas que se amam de verdade se encontram(re),é como se nunca se tivessem separado.
    Lindas suas fotos e tomara que chegue bem rápido o dia de sua nova visita.
    Bjssssss,
    Leninha

    ResponderExcluir
  19. Oi, Lucinha! Que massa o seu passeio pelo Brasil rendeu fotos maravilhosas, eu estou adorando ver tudinho e saber mais do seu tempo aqui. Espero que vc possa voltar muitas vezes para rever os seus amados.
    Quero agradecer todo o carinho durante as minhas férias do blog. Geo retornou hoje para Angola (buáááá) e ainda estou com o coração doendo, mas aos poucos vou atualizando o cantinho. Apareça sempre. Beijos e fica com Deus!

    ResponderExcluir
  20. Não me admira que tenha ficado cansada nesta viagem.Você pipocou por aqui...
    Seu neto é um homenzinho corajoso.
    É isso aí, amor não de mede, apenas se planta e depoi sé regar.
    Cut beijos e uma semana iluminada

    ResponderExcluir
  21. Lucinha, fiquei emocionada com o que escreveu sobre o seu neto mais novo, o Luciano. É isso mesmo que disse, a nossa presença na vida de uma pessoa não depende somente da presença física ou convívio diário.

    Saiba que sinto-me uma privilegiada por através do seu blog poder conhecer lugares tão maravilhosos como este chamado Cantagalo. Obrigada por nos presentear.

    Beijos & Abraços
    Paula

    ResponderExcluir
  22. lu aiga
    só agora que e vi o post
    ando tão assim meio apagadinha , mas já estou tentando me reerguer - sempre quando volto de viagem lá do sul fico assim , morro de saudades dos meus pais e de peninha deles tb - sabe que qunaod cheguei encontrei meu pai todo ruim com pressão 26 por 12 - estavamos chamando a ambulância mas ele me abraçou , chorou e melhorou, a minha mãe falou que ele começoua fcar ruim quando ela falou que a gente viria , foi tudo emocional - nao é de dar dó - mas fora isto minha viagem estava maravilhosa, resolvemos os pepinos por lá
    e pelo visto as tuas foram maravilhosas adoro o campo
    no final nem mandei os mimos q te prometi enqanto estivesse no Brasil , mas mando assim mesmo pra tua mãe -
    e os teus mimos ja estão no post esperando sair do forno, queria postar só quando tu estivesse com o note -
    lá no sul fiquei todos os dias sem note , pc , celular nadica disto - e foi ótimo
    saudades de ti
    bjs
    lu

    ResponderExcluir
  23. Lucinha
    Que lugar tranquilo!
    Daria tudo para passar um final de semana num lugar assim, com animais, plantas, boa conversa, comidinha caseira, êta coisa boa!
    Amei conhecer o seu neto amado, seus tios...tudo maravilhoso, lindo como as suas palavras inspiradas em verdadeiro amor.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir

Visualizações

Arquivo

Categorias